CNAPI, COBAP, FEDERAÇÕES e Entidades de base continuam mobilizadas contra as reformas previdenciária e trabalhista

Por Luiz Legnãni – Secretario Geral da COBAP                                               

 

                 Em primeiro lugar, queremos reforçar o convite para a grande manifestação em São Paulo (SP), precedida por reuniões dos dirigentes da COBAP, Federações e CNAPI, dias 7, 8 e 9 de novembro de 2017.

Após a tradicional Missa dos Aposentados, seguida de paralisação da Via Dutra, no dia 29/01, dirigentes da COBAP e Federações reuniram-se na sede da COBAP São Paulo e deliberaram uma agenda anual de ações e manifestações, cumpridas com êxito até o momento. Confiram algumas das principais atividades:

·         Em janeiro, o presidente da COBAP, Warley Martins Gonçalles, em reunião com o Senador Paulo Paim, sugeriu ao Senador, que aceitou prontamente, criar uma CPI da Previdência,  como forma de esclarecer a população brasileira se existe mesmo o terrível déficit anunciado pelo governo, ou tem superávit (saldo positivo), conforme dados elaborados pela ANFIP que comprovam  que a Previdência tem Superávit.

 

·         No dia 13 de fevereiro, foi realizada Missa em homenagem aos aposentados, na Catedral de Brasília (DF), seguida de passeata até ao Senado Federal, para uma Sessão Solene em homenagem aos aposentados. Ao término houve manifestação em frente ao Ministério da Fazenda, extinto prédio do Ministério da Previdência Social, com a exposição de um porco de madeira com o rosto do presidente Temer, onde foi servido marmita com feijoada.

 

·         No dia 21 de março, o presidente da COBAP, Warley Martins e o senador Paulo Paim (PT-RS), protocolaram pedido de criação da CPI com 50 assinaturas de senadores favoráveis pela instalação da CPI, número de assinaturas bem superior ao número mínimo de 27 assinaturas para ser instalada.

 

·         A cidade de Nova Trento (SC) recebeu, dos dias 4 a 7 de maio, Assembleia da Central dos Aposentados (CNAPI), reunião da diretoria da COBAP e presidentes de federações e finalizou com Romaria, passeata e Missa dos aposentados.

 

 

·         A cidade de Aracaju (SE), foi palco de mais uma manifestação dos aposentados contra as reformas de Temer, que acaba com as aposentadorias e com a Previdência Social, como acabou com a CLT –direitos dos trabalhadores, no dia 11/08. Houve reunião com os dirigentes da COBAP e de Federações nos dias 10 e 11/08, e Concentração na Praça General Valadão, seguida de passeata na avenida central de Aracaju, em frente á Assembleia Legislativa e a Agencia da Previdência Social, para entrega da Carta de Aracaju.

 

·         Ainda antes da manifestação de novembro, em São Paulo (SP), será realizado o XXIV CNAPI -  Congresso Nacional de Aposentados, Pensionistas e Idosos, em Porto de Galinhas, dos dias 19 a 23 de  outubro.

 

A COBAP procura atender os convites para participar de reuniões, audiências públicas na Câmara e Senado Federal, Centrais Sindicais, Sindicatos e visita aos gabinetes para pedir apoio aos projetos de interesse dos aposentados. A entidade acompanha e contribui semanalmente com a CPI da Previdência a pedido do presidente Senador Paulo Paim. Também participa ativamente das reuniões do FORUM SINDICAL DOS TRABALHADORES (FST), do qual é integrante junto a outras 20 confederações.

 

LUTAR SEMPRE, DESISTIR NUNCA. NENHUM DIREITO A MENOS