APOSENTADOS: Advogado Alexandre Valera e Warley dão passo gigante no STJ em favor dos poupadores

Em Brasília, na tarde desta quarta-feira, 13 de setembro, os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) se reuniram para julgar os processos sobre o direito dos poupadores de receber dividendos referentes aos planos econômicos das décadas de 1980 e 1990.

O julgamento foi acompanhado de perto pelo presidente da COBAP, Warley Martins e pelo advogado Alexandre Valera, que recentemente peticionou no STJ para acelerar o processo. 

Segundo Alexandre Valera, milhares de poupadores entraram na Justiça pedindo de volta o prejuízo amargado com os planos econômicos. 

"Os poupadores ainda vivos, na maioria idosos, estão cansados de esperar pela efetivação de seus direitos duramente conquistados nos tribunais de todo o país, após mais de duas décadas de disputas judiciais entre forças desproporcionais", replicou o advogado da COBAP. 

Durante o julgamento, o relator Raul Araújo leu seu voto, dando um parecer favorável aos poupadores. Foram tratados nesta tarde apenas os casos referentes ao HSBC e Nossa Caixa/Nosso Banco. 

Numa decisão elogiável, o ministro Raul Araújo determinou que o HSBC terá que arcar com as contas do extinto Bamerindus (pois adquiriu esse banco no passado). Também relatou que não é necessário que os bancos envolvidos sejam filiados ao IDEC (Instituto Brasileiro de Defesa). 

De acordo com estimativa de Valera, cerca de 1.100.000 milhão de brasileiros aguardam a decisão final da Justiça para que possam receber os valores merecidos.  

"Demos mais um passo importante. É claro que preferia que os demais ministros tivessem votado hoje esse processo já transitado e julgado, pois certamente sairíamos vitoriosos e a justiça seria feita. Porém, através da pressão e forte representatividade da COBAP, das federações e demais associações filiadas, faremos o possível para que a próxima sessão do STJ ocorra em breve", finalizou Alexandre Valera.

 

 

fonte:COBAP