Pontos fundamentais para o debate presidencial

O economista Maurício Oliveira pontua pontos pertinentes defendidos pela CNAPS e pela COBAP. Uma luta constante pela dignidade do povo brasileiro e em especial do aposentado e pensionista que muito contribuiu com a Nação.

Ano Eleitoral:

Diante do início da campanha eleitoral, a COBAP e a CNAPS se posicionam pela defesa intransigente do sistema de Seguridade Social e contra qualquer tipo de reforma na Previdência que dificulte o acesso às aposentadorias e pensões e que reduza direitos.

O sistema de Seguridade Social é autossustentável desde que o governo pare de promover desvios e subtrações de seus recursos para outras finalidades, como é o caso da DRU-Desvinculação das Receitas da União, que retira 30% das receitas da Seguridade Social para gastos do governo com rombos fiscais e encargos financeiros da dívida pública.

Outro ponto importante é a questão da transparência das informações financeiras do Fluxo de Caixa do INSS em que o governo omite e/ou esconde os recursos repassados pelo orçamento da Seguridade Social para fabricar o déficit previdenciário.

Existe uma montanha de dinheiro que precisa ser recuperada dos grandes devedores e dos sonegadores e, para isso, é fundamental melhorar a gestão do sistema nos quesitos fiscalização e cobrança.

Conheça  uma série de posições e reivindicações das entidades que defendem o aposentado, o pensionista e o idoso brasileiro -  CNAPS e COBAP  - para o debate presidencial.

- Fim da DRU

- Fim da desoneração da folha

- Fim das renúncias fiscais

- Fim da sonegação

- Fim das fraudes

- Defesa da Seguridade Social

- Defesa da transparência

- Cobrança dos devedores